Áreas Industrias

Numa primeira análise, a indústria não é uma actividade definidora de cidade, no entanto, a emergência de grandes aglomerações, sobretudo na Europa no século XIX esteve associada à localização industrial;

As vantagens da localização industrial no interior do perímetro urbano foi evidente, na medida em que aí se localizava o mercado e todo um conjunto de serviços dos quais interessava beneficiar;

Factores que têm contribuído para uma redefinição da localização industrial nos centros urbanos (deslocalização industrial):

  • A renda locativa;
  • Congestionamento das vias de comunicação;
  • Segmentação da produção;
  • Necessidade de grandes espaços de instalação;
  • Exigências ambientais;
  • Políticas de ordenamento com a criação de zonas industriais.

Segmentação do processo produtivo – O afastamento das indústrias para as áreas envolventes aos grandes centros urbanos não é total, apenas se desloca a parte fabril, os escritórios mantêm-se na cidade.

Afastadas do processo de deslocalização industrial encontram-se as indústrias de bens de consumo, como por exemplo:

  • Panificadoras;
  • Tipografias;
  • Relojoaria;
  • Criação e reparação de hardwares;
  • Alta costura.

Investigação e Desenvolvimento (I&D) – Empresas entre a indústria e a prestação de serviços (audiovisual, moda, software, etc.) são atraídas pela especialização do mercado de trabalho, pela presença de importantes clientes e pelas vantagens da proximidade a universidades, a laboratórios de I&D e a serviços intensivos em conhecimento.

Parques industriais

Parque industrial – Aglomeração planeada de actividade industriais.

Os parques industriais dispõem de uma área de terreno organizada e apetrechada com:

  • Rede de circulação rodoviária com perfis adequados ao tráfego pesado;
  • Rede de fornecimento de água, electricidade e combustível;
  • Sistema de saneamento;
  • Redes de telecomunicações;
  • Serviços de promoção industrial;
  • Serviços sociais como infantários, refeitórios e postos de assistência médica;
  • Serviços de apoio técnico;
  • Serviços de segurança;
  • Serviços de apoio financeiro e administrativo.

Parques de Ciência e Tecnologia

O principal objectivo dos parques de ciência e tecnologia é a procura constante de sinergias entre as comunidades cientifica e empresarial.

Condições para a instalação de parques de ciência e tecnologia:

  • Áreas com boa acessibilidade;
  • Disponibilidade espacial.

~ por goncasrato em 01/16/2010.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: